CAIU A MÁSCARA DO TEMER

Imagem 2

17352006_1272149299535123_4846382175613487353_n
ELES MENTEM SOBRE AS APOSENTADORIAS NOS OUTROS PAÍSES

Você acredita que o dinheiro recolhido pelo INSS é para a sua aposentadoria ? Não, não é. Ele serve de instrumento para que os políticos se elejam distribuindo esse dinheiro para seus eleitores. Tudo para todos.
O INSS é o órgão responsável por receber as contribuições dos indivíduos, e tem como função fazer os pagamentos de aposentadorias e vários benefícios previsto por lei.
Então quais são esses benefícios que nada tem a ver com o desconto para a sua aposentadoria ?
Auxílio-doença
Auxílio-acidente
Auxílio-reclusão
Pensão por morte
Salário-família
Salário-maternidade
Benefício assistencial ao idoso e à pessoa com deficiência (BPC/LOAS)
Benefício assistencial ao Trabalhador Portuário Avulso
Pecúlio Pensão Especial – Hanseníase
Pensão Especial – Talidomida
Seguro-desemprego do pescador artesanal (seguro-defeso).
Então, o que é descontado do seu Hollerith não vai para a sua aposentadoria.
Vai por exemplo, entre outros, para o Auxílio-reclusão conforme acima, que é um benefício devido apenas aos dependentes do segurado do INSS (ou seja, que contribui regularmente) preso em regime fechado ou semiaberto, durante o período de reclusão ou detenção. O segurado não pode estar recebendo salário de empresa nem benefício do INSS. Para que os dependentes tenham direito, é necessário que o último salário recebido pelo segurado esteja dentro do limite previsto pela legislação (atualmente, R$ 1.292,43). Caso o último salário do segurado esteja acima deste valor, não há direito ao benefício.
O salário-família é um outro exemplo. É um valor pago ao empregado (inclusive o doméstico) e ao trabalhador avulso, de acordo com o número de filhos ou equiparados que possua. Filhos maiores de quatorze anos não têm direito, exceto no caso dos inválidos (para quem não há limite de idade).
Entende agora por que a Previdência está quebrada ? Querem jogar essa conta para você. O governo deveria ser mais claro, e dizer que o desconto do
INSS do trabalhador que contribui, vai para sustentar quem não trabalha. Bolsa Família e mais outros tantos auxílios. Metade da população do Maranhão, por exemplo, recebe o bolsa-família. Depois da constituição de 1988, o governo resolveu auxiliar à todos, sem prever receita. Não é justo que quem trabalhe por 30 ou mais anos, pague a conta de todos. O dinheiro do trabalhador é dele. O resto dos auxílios, ou são cortados, ou arrume outra fonte. O que não pode é a conta ser novamente nossa.

 

 

Anúncios