galeria A MÍDIA DE GOEBBELS

A proximidade da posse do novo presidente americano tem mostrado o desespero explícito da mídia mundial. Como não é mais possível mudar ou reverter o resultado da eleição presidencial nos Estados Unidos, a combativa e inconsolável mídia formal resolveu continuar em seu intento para desconstruir, caluniar, difamar e boicotar um mandato que ainda nem começou. […]

via A mídia de Goebbels —

Anúncios