galeria RECADO AOS GENERAIS

quem

Politicamente Irado
28 de dezembro de 2015 às 05:15 ·

O GENERAL EDUARDO DIAS VILLAS BÔAS DISSE QUE O POVO NÃO PRECISA SER TUTELADO PELAS FORÇAS ARMADAS E QUE AS INSTITUIÇÕES DEMOCRÁTICAS ESTÃO EM PLENO FUNCIONAMENTO. UM JUIZ DO SUPREMO ALERTA PARA UMA BOLIVARIZAÇÃO DA CORTE SUPREMA DO PAÍS E MENCIONA QUE JUÍZES DA CORTE ESTÃO SENDO COOPTADOS PELO CRIME ORGANIZADO. ONDE ESTÃO OS GENERAIS?

Realmente o General Villas Bôas tem razão. O povo brasileiro que foi às ruas pedir justiça e a saída do governo não precisa mesmo ser tutelado, pois já faz sua parte patriótica lutando todos os dias contra o Crime Organizado. Quem realmente está precisando de “tutela” senhor General, é o país, o Estado, a Nação Brasileira. Esta sim precisa da tutela da Lei, da ordem e da justiça, pois como todos sabem, inclusive o Ministério Público Federal e também um Juiz da Alta Corte Suprema do país, o Brasil está sem governo, liderado por uma organização criminosa e na eminência de um golpe bolivariano. Há uma bandeira vermelha nos céus de Brasilia Senhores Generais!

Não foi um simples mortal brasileiro que disse isso, Senhor General. O Ministro Gilmar Mendes vem alertando há muito tempo sobre a cooptação de Juízes do Supremo por quadrilhas que estão centralizadas no poder. Diz ainda, e que o país segue rumo a bolivarização de seu regime e ninguém faz nada. O outro Juiz Federal, Sérgio Moro vem implacavelmente lutando contra a corrupção que se instalou no poder. E o que faz o STF? solta todos os bandidos que já estavam presos, vendendo à peso de ouro, vários “Habeas Corpus” que colocaram quase toda a Máfia da Lava Jato, livre nas ruas.

É bem da verdade que o exército ignorou a Chefe do Exército de Caxias e até mesmo o Ministro Comunista da Defesa ao tirar as medalhas do peito dos bandidos que de forma lamentável, foram condecorados com a à Medalha do Pacificador, a mais alta condecoração do Exército. Villas Bôas cassou no peito, as condecorações militares dos mensaleiros condenados pelo Supremo. Valdemar Costa Neto, José Genoíno e Roberto Jefferson. Mas um deles, José Genoíno, o mesmo que matou um jovem militar de 18 anos dando-lhe um tiro pelas costas, já está soltinho, em total liberdade e gozando das regalias do Poder.

O outro bandido e guerrilheiro, que treinou guerrilha em Cuba, aquele terrorista que o Exército de Caxias prendeu por terrorismo e atentados terroristas nos anos 60, o tal de José Dirceu, também já está solto. Dilma a Chefe-Maior das Forças Armadas foi quem mandou soltar o bandido quadrilheiro. Que vergonha para as Forças Armadas em?

É este Estado democrático dominado pelo Crime Organizado é que está precisando de ser tutelado senhor General!. Alias que Estado democrático é esse que usa urnas fraudáveis, que limita o poder a três partidos de esquerda, que corrompe o sistema democrático e que desvia o dinheiro do Estado para aparelhar suas “instituições democráticas”? E pior, que rouba dinheiro do Tesouro Nacional para manter um projeto da esquerda no Poder cuja finalização, é o socialismo ditatorial? Onde está a democracia deste Estado, Senhor GENERAL?

Quantos juízes serão precisos para dizer que estamos sendo golpeados pelas “Instituições democráticas” aparelhadas pelo Estado Criminoso? Quantos brasileiros precisarão morrer esquartejados em praça pública pelas forças estranhas ligadas ao Crime Organizado, CUT, MST, MSTS e outras organizações comunistas financiadas com o nosso dinheiro, caso sejamos levados à uma guerra civil? Quantos brasileiros mais, além dos mais de 10 mil que já saíram do país, serão obrigados a fugir do Brasil para não serem comunizados? Quantas empresas ainda precisarão fechar suas portas ou deixarem o país por única e exclusiva culpa, desta organização criminosa?

Quantos humildes brasileiros precisarão ainda morrer nos hospitais públicos, quando o governo direciona as verbas que seriam da Saúde para “tapar” rombos da ROUBALHEIRA e faz uma pressão psicológica proposital na sociedade, para forçar a criação de mais um imposto, a CPMF? Que democracia é essa Senhor General? Como confiar em uma justiça suprema que se deixa comprar por ideologias e fisiologismos?

Não se trata de uma briguinha entre esquerda e direita, Senhor General! Trata-se de uma guerra contra o “Crime Organizado”, contra organizações compostas por bandidos e por golpistas que assaltaram o país e corromperam a democracia. Esses partidos políticos como os Senhores sabem, não são mais do que meras facções criminosas institucionalizadas sob a luz da Constituição, as mesmas facções criminosas que o senhores combateram no passado.

Os mesmos terroristas e bandidos que os senhores também caçaram no passado estão todos lá, mamando nas tetas do Estado, roubando e desviando dinheiro do povo para bancarem suas orgias públicas, para bancarem suas facções e para se perpetuarem no Poder com suas milionárias campanhas políticas. Que bela democracia em Senhores Generais?

Tudo com dinheiro roubado de nossas estatais, de nossos impostos e também das obras faraônicas e super faturadas que serviram e ainda servem, como escoadores de dinheiro público. Estão há 30 anos roubando o país para manterem um projeto de poder que visa o comunismo e uma ditadura civil e o senhores chamam isso de quê? de Democracia? Ou seria BandidoCracia?

Faz alguns dias que as Forças Armadas, se reuniram às pressas para uma reunião secreta de Generais para discutirem sobre a atual crise instalada no país. Após a reunião o General Villas Bôas disse que a situação política, ética e econômica do país é preocupante e pode descambar para uma crise social. Somente agora ´que notaram que é preocupante Senhores Generais?

Há 20 anos que estamos sob um regime socialista que usa a democracia como ponte para institucionalizar uma ideologia de esquerda no país e somente agora isso se torna preocupante? Há 20 anos que existe uma estrutura criminosa que sustentou um projeto de Poder, que comprou apoio político, que comprou e corrompeu tribunais, que aparelhou a mídia, o ensino público, estatais, a Corte Suprema do país e em supra sumo, bancou partidos e políticos e só agora os Senhores vêem preocupação nisso?

Bilhões de reais foram ROUBADOS do povo brasileiro por esta estrutura criminosa. Transformaram o país em um grande balcão de negócios, venderam estatais, compraram a reeleição, corromperam partidos e políticos, venderam medidas provisórias, esculhambaram com a Constituição, governaram o país com emendas disso e daquilo, e tudo com propósitos de sabotar a democracia e atender propósitos particulares ou ideológicos. Nunca governaram para o povo, governaram sim, para enriquecerem e se locupletarem do poder e para no PODER, permanecerem perpetuamente, seguindo um complexo modelo ditatorial.

A honra e a moral parecem insignificantes dentro deste universo analisado. Tudo que se vê são crimes, golpes, maracutaias e uma horda de salafrários e genocidas se usufruindo do Estado. O povo não precisa de tutela senhores Generais, precisa sim, de um Estado que seja honesto e cumpridor de seu dever com a sociedade. Precisa sim, de uma Forças Armadas que além de proteger as fronteiras do país, se faça também necessária para combater o crime organizado. Não queremos militares no poder, até porque não é função dos senhores fazer política. Mas como Instituição Pública, é dever das Forças Armadas sim, zelar pela Ordem Pública e pela segurança da Constituição que vem sistematicamente, sendo pisoteada e desconsiderada pela bandidagem.

O povo não tem representantes direitos, não tem justiça e não pode falar o que pensa pois não tem acessos ao Poder. Mas as Forças Armadas tem, e como PODER CENTRAL do país, tem força e poder para agir em defesa da democracia. Não com atitudes arbitrárias, mas sim com atitudes responsáveis. É destas atitudes responsáveis que a nação está precisando agora. Portanto Senhores Generais, não se escondam atrás das cercas de arame farpado em que se constitui alguns artigos da Constituição, “definidas pela bandidagem”, e que os obrigam e os limitam de forma proposital, à não se intrometerem nos destinos políticos do país.

Medo de serem punidos por motim, por conspiração? Ora Senhores Generais, eles roubam, matam, conspiram, formam quadrilhas, desviam dinheiro público, dilapidam estatais, monopolizam e fraudam o sistema eleitoral, rasgam a constituição, fundam organizações criminosas como o Foro de SP, cometem estelionatos, falsificam orçamentos federais e fazem parecer que não estão nenhum pouco preocupados com a Lei ou com a Constituição Federal. A liberdade, a justiça e a democracia deste país valem qualquer sacrifício e até mesmo um motim. Não foram os senhores que disseram que dariam seu sangue pela pátria?

Então eu pergunto: Os senhores estão esperando o quê? Que uma guerra civil seja desencadeada pelos vagabundos do MST? Que a CUT saia matando trabalhador nas ruas? Os Senhores alegam que esta crise pode causar uma instabilidade no país. O país já está sem estabilidade faz muito tempo Senhores Generais! Constantemente líderes do MST e da CUT nos ameaçam de uma guerra com seus exércitos nas ruas, causando um terror social que mantêm a escória de safados do PT protegidos e confiantes que nada os atingirá. Tudo explicitamente. Por muito menos Jango foi deposto ao governar o país espalhando ameaças, gerando insegurança e medo.

Foi o Senhor, General Villas Bôas, que afastou a possibilidade de uma intervenção militar em várias declarações. O Senhor disse não ver uma crise institucional no país e que as instituições estão funcionando, e deu como exemplo a reprovação das contas da petista pelo Tribunal de Contas da União. Que reprovação, Senhor General? As contas e as fraudes cometidas por Dilma Rousseff nem foram levadas em conta e as pedaladas foram aprovadas. O processo de Dilma no TSE por uso de dinheiro roubado da Petrobrás em sua campanha política, também foi arquivado e de forma vergonhosa pela Procuradoria Geral da República. Eles não estão nem aí. Que instituições democráticas são estas, que estão funcionando em nome da justiça e da Lei, Senhor General?

Esta vigarista quebrou o BNDES para pagar pelo seus crimes cometidos nas tais “pedaladas”. Primeiro mentiu para o povo dizendo que cometeu a fraude para ajudar os pobres, quando na verdade, este dinheiro foi para enriquecer banqueiros e investidores. E agora vem com essa que já “PAGOU” pelos seus crimes? Esse foi mais um, dos inúmeros golpes dados pela sua Chefe-Militar, esta vigarista, mau caráter. É tudo muito simples para estes bandidos que pisam na Lei. Cometem crime, pagam esfolando os cofres do BNDES, aumentam a dívida bruta do país e fica tudo por isso mesmo? Onde está a Lei Senhor General? Onde estão as Instituições Democráticas?

Não vai mais haver Impeachment Senhor General. Contrariando os mais de quatro milhões de brasileiros que foram paras as ruas pedir o impeachment de Dilma Rousseff, o governo da Chefe-Maior do Estado, ordenou seus jagunços do STF que paralisassem o processo. Depois mandou seu procurador engavetar seu processo eleitoral por uso de propinas em sua campanha, no TSE. E por último, a Chefe Militar baixou uma medida provisória que praticamente perdoa e inocenta os empresários da Máfia da Lava Jato. Que instituições democráticas são essas que Vossa Senhoria confia, Senhor General? Chega de justificativas esfarrapadas e de querer fazer o povo de desentendido.

Temos sim “raras” exceções como por exemplo, a equipe do Juiz Federal Sérgio Moro e alguns procuradores do Ministério público Federal e também de alguns agentes e delegados Federais que compartilham das atitudes do Juiz Sérgio Moro, e é só. Não há mais nenhuma “Instituição democrática” funcionando em nome da Lei. E como diz o ditado: Uma andorinha só não faz verão e nunca fará enquanto houver uma parede monumental que impede que a justiça seja feita.

E tem mais Senhor General. Delegados Federais estão fazendo campanha contra o procurador Geral da República por sua interferência nos inquéritos da Lava Jato. Dilma Rousseff cortou de forma proposital as verbas para a Polícia Federal. Agentes Federais vivem de míseros R$ 200 por diária, para investigar uma operação que abrange boa parte do país. Agora nem isso terão mais. O propósito como é sabido, serve exclusivamente para dificultar e porque não, exterminar com a operação Lava Jato.

Logicamente que a constituição os impede de exercer á vontade do povo, pois o povo nem é mencionado na Constituição para ter o poder de requerer uma Intervenção militar. Porém isto não os impede de botar as cartas na mesa e de dizer para estes canalhas, quais serão as regras do jogo. Todos esses bandidos se borram nas calças ao verem os militares no comando e portanto, atitudes mais rígidas e severas já deveriam ter sido tomadas. Pressionar juízes e políticos, inclusive “romper relações com o governo e fazer se cumprir a Constituição já seriam medidas que colocariam estes canalhas de orelha em pé. “Ou fazem as coisas dentro da Lei, ou as Forças Armadas farão”.

O povo vem sistematicamente há 21 anos sendo doutrinado, enganado, vilipendiado e posto a margem do Estado. Os senhores têm um Serviço de Inteligência que filtra todas as informações neste país desde o Regime Militar. O povo não! O povo vem há 21 anos sendo sabotado das informações que somente a ABIN dispõem. Portanto os senhores sabem de tudo o que acontecem neste país, sabem inclusive que havia esquemas de corrupção desde o governo de FHC. Sabem inclusive, que não há nada que não aconteça neste país, que não seja canonizado pelo Foro de SP. Portanto os senhores parecem coniventes com tudo isso e tal cumplicidade chega à ser vergonhosa.

O desconforto com o atual quadro político já ultrapassou a tolerância exigida para quem jurou defender a bandeira, o solo brasileiro e a Pátria…Está na hora de uma atitude das nossas Forças Armadas. É preciso combater duramente estas organizações criminosas com apoio dos Procuradores e do Juiz Sérgio Moro que vem sozinho, promovendo uma verdadeira limpa neste país.

Somente desta forma se colocará na cadeia, todos os bandidos envolvidos na pilhagem do país. Será arrebentando com estas quadrilhas, prendendo políticos e empresários corruptos, fechando partidos e devolvendo a nação, cada centavo roubado dos cofres públicos, nestes 30 anos de governo civil, que a justiça será realmente feita. Não queremos um governo militar, queremos sim, uma Pátria Livre do crime organizado.

FONTE: http://cristalvox.com.br/…/caldeirao-ferve-exercito-o-gran…/

http://cristalvox.com.br/…/comandante-do-exercito-ve-risco…/

http://www.diariodepernambuco.com.br/…/o-exercito-pode-ser-…

http://cristalvox.com.br/…/generais-do-clube-militar-afirm…/

http://cristalvox.com.br/…/generais-do-clube-militar-afirm…/

CURTA NOSSA PÁGINA: https://www.facebook.com/Politicamente-Irado-139738894383…/…

CURTA NOSSO GRUPO: https://www.facebook.com/groups/851548761546071/

Anúncios